EXCLUSIVO! Vazam áudios que ligam testemunha principal de processo contra João Rufino ao ex candidato a vice prefeito Marcelo do Lico e ao próprio Gentil.

44543

Na última sexta feira, 07 de maio, findou o prazo para que Ministério Público e Advogados de João Rufino apresentassem suas Alegações Finais em processo. Nada além disso!

No entanto, depois que uma matéria foi divulgada dando conta, especificamente deste fato, muita gente “pensou”, ou foram induzidos a pensar, que teria saído alguma decisão judicial “contra” João Rufino, o que não ocorreu. Inclusive o primeiro processo, que teve o mesmo objeto que este, foi de pronto arquivado pelo Juiz.

Em contato com advogados de João, estes nos passaram várias informações, e que, assim como o MP apresentou suas alegações, eles também apresentaram as suas, e de forma bastante contundente. Inclusive comprovando a inocência plena de João Rufino e Dr. Ronaldson.

https:\/\/mantenagora.com.br

De acordo ainda com informações trazidas a nosso conhecimento, inclusive através de áudios, a principal testemunha de acusação contra João Rufino, o Sr. Marcelo, vulgo Marcelo da Dê, era supostamente instruído pelo ex-vereador e ex-candidato a vice prefeito de Gentil, Sr. Marcelo do Lico, e possivelmente pelo próprio Gentil, a “garimpar” testemunhas, as quais possivelmente eram instruídas, e recebiam até promessas de valores em dinheiro, para depor contra João Rufino em processo.

https:\/\/mantenagora.com.br
Candidato Gentil, Marcelo da Dê (principal testemunha em processo), sua esposa e Marcelo do Lico (candidato a vice de Gentil) durante campanha

Marcelo da Dê (camisa azul florida na foto acima), é a principal testemunha da acusação no processo contra João Rufino, é bem conhecido na sociedade, e foi um declarado apoiador do adversário de João Rufino nas últimas eleições municipais, o Sr. Gentil da Mata.

Mas o que veio a tona, depois da matéria postada dando conta das alegações finais, é a ligação de Gentil, Marcelo do Lico e a principal testemunha de acusação do processo contra João Rufino, o Marcelo da Dê.

Ainda, a vontade deles em trabalhar “juntos”, inclusive fazendo reuniões na casa do ex-candidato a vice Marcelo do Lico, para “arranjar” e se “encontrar” com testemunhas para depor no processo. É mole?

Ouça alguns áudios, onde supostamente Marcelo do Lico negocia com Marcelo da Dê:

https:\/\/mantenagora.com.br

Marcelo do Lico em contato com Marcelo da Dê, dizendo que Gentil chegaria, e que estaria tudo bem “organizado” já as “coisas”.

https:\/\/mantenagora.com.brMarcelo do Lico, marcando reunião em sua casa, com a principal testemunha do processo, Marcelo da Dê, onde, juntamente com Gentil iriam “conversar”

https:\/\/mantenagora.com.br

Marcelo do Lico confirma a ida de Marcelo da Dê em sua casa.

https:\/\/mantenagora.com.br

Através dos áudios, é possível perceber Marcelo do Lico articulando com Marcelo da Dê, encontros em sua própria casa, onde juntos, inclusive com a presença de Gentil, iriam instruir as testemunhas a depor no processo.

Com base no que vemos acima, podemos perceber uma verdadeira “encomenda de testemunhas”, a fim de que isso fosse juntado ao processo e prejudicasse o atual Prefeito, culminando possivelmente com a cassação de seu mandato.

Conseguimos também, acesso a áudios de testemunhas, “cobrando” Marcelo da Dê, por ele, supostamente, ter pego documentos e oferecido dinheiro em troca de depoimentos em desfavor de João Rufino. Em breve estaremos publicando.

https:\/\/mantenagora.com.br

MARCELO DO LICO COBRANDO A TESTEMUNHA:

https:\/\/mantenagora.com.br

Marcelo da Dê, respondendo:

ÁUDIO MARCELO DA DÊ RESPONDENDO, OUÇA:

Defesa de João Rufino: “…Existem muitas outras provas e comprovações da ardilosa articulação realizada contra João Rufino e Dr. Ronaldson, envolvendo os ex-candidatos e a principal testemunha.” 

Valendo frisar, em relação as demais testemunhas que depuseram, que a grande maioria se contradisseram ou mentiram em seus depoimentos. E isso está comprovado na defesa de João.”

“…O que houve foi um verdadeiro conluio a fim de derrubar o atual Prefeito legitimamente eleito.”

https:\/\/mantenagora.com.br

Enfim, pessoas ligadas ao Prefeito pediram apenas que a população de bem confie, e não se prenda a primeiras impressões.

Não devemos propagar fatos sem ouvir os dois lados, e principalmente, antes de ouvir a verdade dos fatos com provas, inclusive.

Sua defesa ainda nos relatou o seguinte: “João está confiante, tranquilo e trabalhando, pois sabe como o fato realmente aconteceu, e porque aconteceu, sendo vítima de uma tremenda e suja armação, que no fim vai ser mais do que provada, e as pessoas envolvidas devidamente responsabilizadas.”

Além destas informações a nós repassadas, diz-se existir muitas outras que irão elucidar de uma vez por todas toda situação a favor de João Rufino.

Vamos aguardar então o desenrolar do processo, novas manifestações da defesa de João Rufino, e por fim a manifestação da Justiça, que certamente, coerente e imparcial como é, decidirá com base em fatos e provas reais.